5 coisas para se fazer em Recife

Sou muito suspeita para falar da minha cidade, porque sou bairrista mesmo. Acho que Recife é o melhor lugar do mundo e por mais que os problemas de mobilidade, de limpeza e segurança se escancarem nos jornais e no dia a dia de todo recifense, não cogito a possibilidade de deixar alguém falar mal da Veneza brasileira!

Como a tarefa de hoje, é escolher 5 coisas para se fazer em Recife (e eu poderia destacar inúmeras), farei essa lista como se escrevesse para alguém que não é recifense e que precisa vivenciar coisas básicas pra sair daqui dizendo que conhece a cidade. Aqueles passeios mais escondidos, que só alguns conhecem, eu deixo para quando você vier aqui pela segunda vez, ok?

Também não vou falar de épocas específicas, como Carnaval, Natal, São João… porque a dinâmica da cidade muda e muda “di cum força” (que em bom pernambuquês, significa muito mesmo)!

Vamos à lista:

 1 – Tomar água de coco na Praia de Boa Viagem

Orla de Boa Viagem

Para começar, qualquer pessoa que vem a Recife tem que ir à praia de Boa Viagem, nem que seja pra tirar foto com alguma placa de advertência de tubarão, não é? Ela (a praia)  fica a poucos minutos do aeroporto e é nosso cartão de visitas.

Clique e leia a placa

Além de se arriscar no mar (brincadeira, os ataques de tubarão não são tão comuns como parecem), há sempre algum grupo jogando vôlei; alguma turma de treinamento funcional e, ultimamente, tem até gente se arriscando no slackline no Parque dos Coqueiros, que é uma parte da orla onde foram plantados vários coqueiros e que cria uma sombra revigoradora.

Se você é daqueles que prefere o calçadão, pode aproveitar para caminhar/correr ou usar a ciclofaixa. Pode também ir para o Parque Dona Lindu e fazer um piquenique, assistir a algum espetáculo no teatro, brincar no play de madeira ou ver as manobras (e os tombos) na pista de skate.

Parque Dona Lindu

Mas se quer curtir a noite, o bairro de Boa Viagem tem a maior concentração de restaurantes, bares, lanchonetes e casa de festa do Recife, escolha uma opção que atenda melhor seu gosto e “se jogue”!

2 – Passar um domingo no Recife Antigo

Ruas do Recife interditadas para recreação

 Aos domingos e feriados , as ruas do Bairro do Recife (o bairro onde está o marco zero da cidade) ficam interditadas para carros e podemos usá-las para andar de bicicleta, patins, skate; jogar basquete, handball…

Aos arredores do Marco Zero, estão a Rua do Bom Jesus  e a Rua da Moeda.

Rua do Bom Jesus

A primeira fica tomada por barraquinhas no fim da tarde vendendo artesanato e algumas comidinhas que só são encontradas aqui. Durante a semana, abre as portas da mais antiga sinagoga das américas para visitação e abriga a Embaixada dos Bonecos que dispensam apresentações, não é? Já, na segunda, é possível encontrar uma turma legal no bar Casa da Moeda.

Rua da Moeda à noite

Outro lugar indispensável no Recife Antigo é o Centro de Artesanato de Pernambuco onde é possível comprar de um livreto de cordel a uma escultura de cerâmica.

E se você gosta de arquitetura, não pode deixar de entrar na Igreja da Madre de Deus (toda talhada em ouro) no estilo rococó. É disputada a tapas para casamentos e batizados!

Madre de Deus

 

  3 -Atravessar de barco até o Parque das Esculturas

Aproveitando que está no Recife Antigo, proponho um passeio bem legal. Pegue um dos barquinhos que ficam ancorados às margens do Marco Zero e atravesse até os arrecifes que separam o Recife do mar aberto. Nesse cenário, onde é possível sentir as ondas quebrarem nas pedras, está o parque das esculturas de Brennand.

É possível chegar até lá de carro (saindo da praia do Pina – ao lado da praia de Boa Viagem), mas você vai perder a melhor parte do passeio, né?

O Parque das Esculturas é essa estreita faixa de arrecifes !

Ver o Recife do lado de lá, quase no mar, vale o medinho de atravessar a maré de barco.

4 -Entrar num castelo de verdade

Já que estou falando de Brennand, que tal conhecer um castelo em estilo medieval construído no tradicional bairro da Várzea?

Vista aérea do Castelo de Brennand

O instituto Ricardo Brennand tem um dos jardins mais bonitos de Recife (escolhido por muitas noivas para sessões de fotos incríveis) e o Castelo, que abriga um museu inacreditável, guarda a maior coleção de armas brancas do mundo, escultura de pessoas em cera… Enfim, é um passeio perfeito, principalmente para quem vem a Recife com criança ou quer voltar para casa com fotos perfeitas.

5 – Conhecer a culinária local

Como última dica dessa lista, deixo a culinária local porque não tem como conhecer Recife sem comer ! rs rs rs

Primeiro, é importante dizer que o Bolo de Rolo é patrimônio imaterial de Pernambuco. Então, se vem ao Recife, tem de comer bolo de rolo e, pra mim, o da Casa dos Frios é o melhor . Estando lá, peça também um pedacinho de bolo de macaxeira e seja feliz! Mas se for visitar alguém, aceite um pedacinho do Bolo Souza Leão (outro patrimônio imaterial de Pernambuco) que, rezam as lendas de bons costumes locais, só podem ser servidos em pratos de porcelana.

Bolo de Rolo

Outras delícias tipicamente pernambucanas, como cuzcuz com ovo, arrumadinho de charque, carne de sol com macaxeira, podem (e devem) ser degustados em quase todo restaurante da cidade, (exceto os de culinária especializada); mas se você for ao Parraxaxá ou ao Maria Maria, já terá uma ótima ideia do que se come por aqui!

Agora, se tem algo que seu paladar vai agradecer são os sucos de frutas da terra.

Nada melhor para refrescar o calor que um delicioso suco de cajá, caju, acerola, mangaba, graviola, pitanga, umbu…  água na boca só de pensar!

Cajá

E se você quiser ver todos esses sabores em forma de sorvete, precisa ir ao Planeta John’s .

[Bônus] – Subir o Alto da Sé, em Olinda, e ver o Recife

Esse item bônus é uma piada interna entre Recife e Olinda. É que chegando ao sítio histórico de Olinda e subindo ao mirante, olhando para o lado direito, você terá a melhor vista de Olinda: Recife rs rs rs !

Recife vista de Olinda

Brincadeiras à parte, é um ótimo passeio, mas essa fica para uma outro post!

Beijinhos e até!

Esse é um post que faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, que é um grupo de blogueiros saudosistas que resgata aquela antiga paixão dos diários virtuais. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

24 comentários em “5 coisas para se fazer em Recife

  • 10/03/2014 em 19:19
    Permalink

    Quero muito conhecer Recife. Fiquei doida para ver o Castelo de Brennand.
    E certeza que queria uma foto na placa de advertência de tubarão hahaha.
    Bjuss

    Resposta
  • 10/03/2014 em 20:43
    Permalink

    Puxa, quanta coisa legal, lugar lindo mesmo *—–*
    Eu com certeza ia querer conhecer os castelos!
    boa semana
    ;*

    Resposta
  • 11/03/2014 em 14:00
    Permalink

    Gente eu não sabia que tinha até castelo em recife! Mas que coisa linda! Fiquei curiosa hehe.
    E amo bolo de rolo, to com vontade agora hahahaha

    Resposta
    • 12/03/2014 em 10:42
      Permalink

      No Recife tem castelo, palácios… é uma mania de realeza por aqui! kkkk

      E o bolo de rolo é o melhor!!!

      Resposta
  • 11/03/2014 em 15:29
    Permalink

    Helena, deu saudade do meu Recife, principalmente da culinária… Minha nossa, às vezes eu sofro aqui no Rio querendo comidinhas nordestinas. Mesmo que eu vá a um bar/restaurante comer “aipim com arne seca” não é a mesma coisa da nossa MACAXEIRA COM CHARQUE kkkkkkkkkkkkkk Beijoos!!

    Resposta
    • 12/03/2014 em 10:45
      Permalink

      Imagino que numa cidade linda como o Rio, você não sinta tanta falta das praias e outras belezas do Recife, mas a comida … Aí o bicho pega!!!

      Macaxeira com charque no mercado da Madalena, só aqui mesmo! kkk

      bjs

      Resposta
  • 11/03/2014 em 17:51
    Permalink

    Sabe que eu já estive em Pernambuco, porém não fui na cidade de Recife. Fiquei numa cidadezinha bem afastada e como era criança não me lembro.
    Belas paisagens!
    eu era louca para comer bolo de rolo, até que um dia uma amiga da minha mãe fez e eu odiei kk
    Como dizem, acarajé só na Bahia e bolo de rolo só em Pernambuco!

    Resposta
    • 12/03/2014 em 10:46
      Permalink

      Talvez tenham lhe dado rocambole! Rocambole NÃO é bolo de rolo!!!

      Mas venha aqui e experimente, garanto que vai amar!

      Resposta
  • 12/03/2014 em 08:45
    Permalink

    Oi, Leninha!!
    Adorei o nome novo do blog e o tema, ficaram lindos! 😀
    Curti demais o post. Realmente esses são os destaques da cidade! Mandou bem 😀
    Espero que dê vontade no povo pra virem visitar essa cidade linda!

    Beijos!!

    Resposta
    • 12/03/2014 em 10:48
      Permalink

      \o/ que bom que gostou !!!

      Também vi que você está de domínio novo. Lindo!!!

      Acho que consegui destacar as coisas certas, né?

      Bjus

      Resposta
  • 12/03/2014 em 22:12
    Permalink

    Eu ia comentar primeiro sobre o post quando percebi quem é a Helena desse blog…é a Leninha, do Sui-Generis! Meu Deus, quanto tempo! Você é das antigas nesse mundo blogueiro e é daqui que te conheço, mas não conhecia esse blog seu!!! rsrsrs…feliz de te encontrar!
    Mas voltando ao post…morro de vontade de conhecer Recife e já quase fui aí duas vezes, mas nas duas vezes acabou não dando certo…minha mãe já foi aí várias vezes e já trouxe bolo de rolo pra mim…é uma deliciaaaaa, amo bolo de rolo! E olha, fiquei com muita vontade de conhecer esse Parque das Esculturas, apesar de achar que ia ficar com medinho viu? rsrs

    Olha, quando der certo de eu ir aí quero te conhecer viu?
    Bjoss!

    Resposta
    • 13/03/2014 em 00:03
      Permalink

      “Das antigas” é ótimo kkkkk Estou reencontrando muuuuuita gente e estou super feliz com isso!

      Bolo de rolo é tudo de bom. Adoro!

      Venha mesmo e será um prazer te conhecer!
      Beijinhos e até!

      Resposta
  • 13/03/2014 em 08:57
    Permalink

    Moça, sabe aqueles lugares que a gente nunca foi mas ama de paixão? Então. Recife <3 <3 <3 Tanta cultura, tanto lugar maravilhoso! Sotaque <3 <3 <3 <3 <3 <3

    Quero MUITO conhecer, muito muito mesmo!

    Beijim :*

    Resposta
  • 15/03/2014 em 10:09
    Permalink

    Que lugares lindos! Eu adoro igrejas do período do rococó e amei esse castelo! *-*
    Beijos

    Resposta
  • 16/03/2014 em 12:15
    Permalink

    Adoreeei o post! Quanta imagem linda! *_* Eu queria fazer esse tb, mas não rola. A única coisa produtiva a fazer na minha cidade seria: dormir, comer e estudar. É o que eu faço. Aqui é o cu do mundo.
    🙁

    Resposta
  • 21/03/2014 em 00:51
    Permalink

    Ficou até melhor que o meu kkkkkkkkkk você deu dicas mesmo de viagem, eu falei mais do que eu gosto de fazer aqui o que não é tão atraente assim, já o seu, me deu até vontade de conhecer os lugares de novo kkkkkkk

    Beijos :*

    Resposta
    • 21/03/2014 em 14:00
      Permalink

      KKKK

      Dicas de viagem??? kkk
      O bom dessas postagens coletivas é isso mesmo, pontos de vista diferentes!

      Beijos!

      Resposta
  • Pingback: 5 coisas para se fazer em Recife (no inverno) - Cheia de Coisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *