Música para todas as idades

Música é a única coisa que sempre foi constante em minha vida. Mas, ao contrário do que dizem, acho que meu gosto não é muito eclético não! Gosto muito de coisas que me parecem deveras parecidas, acontece que com o passar dos anos, as necessidades variam e eu ouvi muita música diferente em idades diferentes!

Na Infância

Das lembranças mais remotas que consigo acessar na memória, as mais marcantes são de mim mesma sentada em frente a radiola da sala ouvindo Balão Mágico e chorando horrores com O Trenzinho.

Não me pergunte o porquê, mas até hoje fico muito emocionada com essa música. E a letra dela nem é triste! Vai entender!

É! Fui criança nos anos 80 e, só quem também foi, sabe como a infância era mágica naquela década. As música, então, eram maravilhosas. Feitas para criança, por crianças… Era um sonho!

Além disso, cantar:

“Sou feliz
Por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão”

Com certeza, me fez uma pessoa mais feliz!

Sendo assim, não posso retirar dessa lista todos os discos de A Turma do Balão Mágico. Mas só por ilustração, escolho o primeiro álbum porque nele tem a música que me faz chorar até hoje: O Trenzinho.

Capa do 1º disco (1982)
Lado B
A Canção Dos Felisbertos
Co-co-uá
Oh! Suzana
Dança Sim
O Trenzinho
Lado A
A Galinha Magricela
Baile Dos Passarinhos
Tem Gato Na Tuba
O Pato Cantor
Cowboy Do Amor
P. R. Você
Charleston
Upa! Upa!
Infância by Helena Arruda on Grooveshark

Na Adolescência

Continuando minha odisseia musical…

Conheci música desde cedo por influência dos adultos que me cercavam. Ouvia muito Tom Jobim, Vinícius, Chico Buarque… Mas a primeira banda que eu escolhi amar por conta própria, sem sombra de dúvidas foi Legião Urbana.

Era/Sou fã incondicional do Legião. Passei metade da adolescência chorando com as letras do Renato e a outra metade chorando pela morte dele. Pode até parecer patético, mas quando Renato morreu, eu tinha quase 16 anos e fiquei de luto. Luto mesmo. Só vesti preto por meses.

Poderia colocar aqui também todos os discos da banda, mas vou escolher o que mais gosto (e o que quase furou de tanto que rodou na vitrola). Ele tem as músicas que, pra mim, são as duas “obras primas” do Renato: Acrilic On Canvas e Andrea Doria.

Capa do disco DOIS (1986)
Lado B
Metrópole
Plantas Embaixo do Aquário
Música Urbana II
Andrea Doria
Fábrica
Índios
Lado A
Daniel na Cova dos Leões
Quase Sem Querer
Acrilic On Canvas
Eduardo e Mônica
Central do Brasil
Tempo Perdido
Álbum Dois by Helena Arruda on Grooveshark

Na época da faculdade

Entrei na faculdade com 17 anos e já gostava de muita coisa que ouço até hoje, mas não há como não se influenciar até porque meu curso era no Centro de Artes e Comunicação da universidade e eu conheci de tudo por lá, mas nessa época, o que mais “fez minha cabeça” foi mergulhar na musicalidade de Recife. E aí, poderia citar centenas de discos que marcaram essa fase, mas vou “só” exemplificar com Cordel do Fogo Encantado, Nação Zumbi e Lenine.

Cordel do Fogo Encantado
Nação Zumbi
Lenine
Recife by Helena Arruda on Grooveshark

Depois de Velha (detestei esse título kkk)

Por fim, queria registrar a banda que mudou a vida de metade do planeta. É claro que sempre ouvi as músicas deles, mas só vim curtir mesmo The Beatles depois (não digo quanto depois hihihi) dos 20.

Amo. Ouço todos os dias. Repito milhões de vezes uma mesma música. Troco e repito mais um milhão de vezes outra música. Enfim, sou beatlemaníaca do tipo que chorou o show todo de Paul McCartney em 2012 aqui em Recife. Do tipo que fez a cerimônia de casamento TODA com Beatles. Até a marcha nupcial eu dispensei e entrei na igreja ao som de Something.

Sei que o Álbum Branco deve ser o mais querido, mas para mim, nada é melhor que Abbey Road. Esse é o disco que eu salvaria de um hecatombe. Ter Come Together e Oh! Darling no mesmo álbum que Something e Here Comes the Sun é genial. Além de ter a capa mais famosa do mundo!

Lado A
Come Together
Something
Maxwell’s Silver Hammer
Oh! Darling
Octopus’s Garden
I Want You (She’s So Heavy)
Lado B
Here Comes the Sun
Because
You Never Give Me Your Money
Sun King
Mean Mr. Mustard
Polythene Pam
She Came in Through the Bathroom Window
Golden Slumbers
Carry That Weight
The End
Her Majesty
Abbey Road (1969)

Infelizmente a política de privacidade dos Beatles é bem severa e não tem como postar as músicas aqui, mas compre o CD. Seja feliz!!!

No meu perfil do LastFm há muito mais do que ouço. Passa lá! Aproveita e me diz aqui quais os discos que marcaram sua vida também! Adoro conhecer música nova!

Beijinhos e até!

Esse post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata aquela antiga paixão dos diários virtuais. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

25 comentários em “Música para todas as idades

  • 04/04/2014 em 15:31
    Permalink

    Oi Helena!

    Me identifiquei com a sua época da faculdade, três ótimas referências de música boa. O Lenine cantando é poesia pura.

    E Beatles é atemporal né?!

    Bjs!

    Resposta
    • 04/04/2014 em 15:47
      Permalink

      Lenine é ótimo mesmo!! E Beatles é exatamente o que você disse: Atemporal!

      No show do Paul que fui tinha gente de TODAS as idades. Pessoas que conviveram com eles nos anos 60 e pessoas que não tinham nem 15. Todo mundo curtindo muito!

      Bjus

      Resposta
  • 04/04/2014 em 22:36
    Permalink

    Meu Deus, como você foi rápida kkkkkk E apesar disso ficou muito legal o post, adorei! Como somos de gerações diferentes não me identifiquei com você em relação à infância, mas eu também adoro Legião Urbana e os Beatles, é claro! Eu só não sei se vai ter como eu escolher um cd que inclua um deles, porque normalmente ouço as músicas aleatórias ou então daqueles cds que reúnem uma seleção das melhores sabe?! Enfim! Suas escolhas foram ótimas, espero conseguir fazer as minhas até o fim do mês.
    Beijos :*

    Resposta
    • 06/04/2014 em 01:07
      Permalink

      Acho que hoje em dia, é cada vez mais difícil ter um álbum inteiro que marque porque é muito mais fácil de fazer uma seleção do que quando precisávamos gravar música na rádio kkk

      Agora, a gente não compra o disco todo! Compra só as faixas que quer, né?

      Tenta mesmo fazer o post!!!

      Bjus!!!

      Resposta
  • 05/04/2014 em 00:33
    Permalink

    Ahh como vc tem bom gosto!
    Legião também marcou minha adolescencia, vai estar na minha lista sem dúvidas!
    Beatles também adoro até hoje, mas não teve um CD específico que me marcou. Esse meme é maravilhoso mas tô achando difícil de fazer, são tantas escolhas!

    Resposta
    • 06/04/2014 em 01:09
      Permalink

      Obrigada!

      Também achei super difícil fazer o post! Música é pano pra muita manga! kkk

      Foi difícil escolher um álbum dos Beatles, mas dei uma olhadinha nas minhas faixas mais tocadas, aí não deu outro!

      Bjus

      Resposta
  • 05/04/2014 em 10:56
    Permalink

    Muito boas as suas escolhas, eu também adoro Legião Urbana!
    Já estou pensando nos meus álbuns, devo postar semana que vem ^^
    Beijos

    Resposta
    • 06/04/2014 em 01:13
      Permalink

      Tô começando a achar que Legião é do RotaRoots kkkk
      Todos amam!!!!

      Quero ver sua lista também!!

      Bjus!

      Resposta
  • 05/04/2014 em 12:04
    Permalink

    Ahhh… Legião Urbana… :~
    Pena que eu era muito jovem, mas eu pegava os cds da minha irmã mais velha escondido dela e escutava muito! Com o encarte na mão, morrendo de medo de danificar qualquer partezinha, porque ela me mataria! Lembro que teve show em Recife e ela foi, eu era muito nova, não podia ir. Fiquei triste, mas ainda não entendia direito essas coisas. Enfim, foi uma “perda” que só senti depois de alguns anos 🙁

    Beatles, também conheci depois de velha, kkkkkkk É demais, amo tudo! 😀

    Beijos!

    Resposta
    • 06/04/2014 em 01:12
      Permalink

      Lembro muito desse show! Foi no Geraldão e eu NÃO fui 🙁

      Passei meses de mau humor porque minha mãe não me deixou ir ao show!! (mas eu tinha uns 13 anos ou menos. Nunca que ela deixaria hihi)

      Bjus!!

      Resposta
  • 09/04/2014 em 12:34
    Permalink

    Heleninha minha flor, queria iniciar esse comentário dizendo que eu AMO o seu nome! Huahuauauhauahu!! E parando, é claro, para te parabenizar pelo excelente gosto musical desde a infância! Quem não curtiu Balão Mágico – e não curte até hoje nas festinhas de formatura e casamento – que atire a primeira pedra!!

    Beijão!

    Resposta
    • 10/04/2014 em 15:14
      Permalink

      kKKK! É o nome de minha avó e, na infância, não gostava muito porque achava que era nome de velha kkkk!! Mas aprendi a gostar muito do meu nome kkk!

      Quanto ao gosto musical, obrigada! Quem nunca curtiu numa festinha de formatura ou casamento, não foi pra uma festa legal hihihihi!!!

      Bjus!

      Resposta
  • 09/04/2014 em 21:17
    Permalink

    Adorei as escolhas. Na minha adolescência ouvia muito Legião. Um garoto por quem eu era apaixonada aos 12 anos era muito fã e comecei a ouvir pra ter assunto com ele. Nunca ficamos. Fizemos faculdade juntos e hoje ele ainda é um dos meus melhores amigos. Engraçado que até hoje ele tem as mesmas características que me faziam gostar dele há 13 anis atrás. Mas a melhor coisa é que por causa dele comecei a amar Legião e foi trilha de ótimos momentos na minha vida :}
    Desculpa demorar tanto a responder, eu tava estudando muito e sumi do blog :****

    Resposta
    • 10/04/2014 em 15:48
      Permalink

      Já tem história pra um post!!! Aliás, conheço várias histórias legais de como as pessoas conheceram Legião!!!
      Entendo bem o que é não ter tempo para o blog:( !

      Bjus

      Resposta
  • 11/04/2014 em 18:44
    Permalink

    A única banda que me identifiquei foi Legião. Não que eu não curta Lenine ou Nação Zumbi, por exemplo, mas é uma música ou outra, sabe? Legião não…gosto de muuuitas…agora você acredita que eu nunca parei para ouvir os Beatles? Nunquinha. Nunca tive curiosidade para ouvir e entender todo o fascínio que as pessoas tem por eles..mas confesso que fiquei curiosa e vou ouvir agora…

    Resposta
    • 12/04/2014 em 15:39
      Permalink

      Só digo uma coisa: OUÇA !!!! kkkk

      Mas vale dá uma lida sobre eles antes porque há estilos diferentes em épocas diferentes. Aí você pode escolher um álbum que se identifique mais!!!!
      Eu amo todos! Até aqueles mais bobinhos com as músicas mais bobinhas tipo Hey, Jude! Até os mais pesadões com as músicas mais psicodélicas tipo Strawberry Fields Forever

      Resposta
  • 14/04/2014 em 14:05
    Permalink

    Minha prima saiu da igreja ao som de “All we need is love” <3

    Eu nunca fui muito fã de Beatles, mas agora depois de véa eu comecei a gostar das músicas e achá-las ótimas para dias ruins!

    Beijocas.

    Resposta
  • 21/04/2014 em 10:54
    Permalink

    Cordel so fogo encantado! conheci na facu tbm, lembro de um show que eles fizeram no CAASO, foi muito bom! Lenini é ótimo!
    Adorei sua lista e vejo que esqueci de colocar alguns na minha rs Mas tbm, acho q iria ficar infinita se eu colocasse todas rsrsrs
    beijos

    Resposta
  • 22/04/2014 em 13:46
    Permalink

    Música, música, música… Tem nada melhor no mundo?? Amei sua seleção, e me indentifiquei com muita coisa. Tenho que fazer meus posts do Rotaroots ainda. É que esse mês está preguiçoso pra mim. Bjs

    Resposta
  • 27/04/2014 em 19:04
    Permalink

    Adorei a estrutura do post, super diferente dos que já li!
    To na época da faculdade, mas não consigo largar do Legião.
    Beijão

    Resposta
  • 29/04/2014 em 19:31
    Permalink

    Meu gosto musical mudou apenas da minha infância, onde eu escutava Eliana, Xuxa e por aí vai, mas da minha adolescência pra cá não mudou muita coisa. Me identifiquei com vc na adolescência 🙂

    Resposta
  • 11/05/2014 em 23:13
    Permalink

    Quanta música! E música para todos os gostos *o*
    Não como não gostar do seu post hehehe
    Gostei das seleções, apesar de não ser muito o estilo que escuto. Também tenho Last.Fm, mas no momento estou testando (e gostando!) o Spotify, já ouviu falar?
    ^^
    Bjuxxxx

    Resposta
  • 24/05/2014 em 22:38
    Permalink

    Ainda sou adolescente,kkkkkkk na real, tenho mais de vinte, but, Legião Urbana é meu amor eterno, mudo bastante de gosto musical, mas Legião eu vou levar pra sempre.

    Resposta
  • Pingback: As 5 músicas que não saem da minha playlist » Cheia de Coisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *