Independência dependente de alguém

Olá, pessoa linda! Tudo bom, por aí? Espero que sim! Mas, se não tiver, já sabe, né? Puxa a cadeira que lá vem história (e quem sabe você se diverte um pouco por aqui?) Continuo com meu bom humor setembrino e distribuindo sorrisos para quem passa ou quase isso ! hihihihi ! E por falar em humor setembrino, não poderia deixar de falar de independência (mesmo decepcionada com o 07 de setembro caindo num domingo). Pode parecer (e talvez realmente seja) muito contraditório o que vou dizer, mas nunca almejei uma independência que não significasse depender de alguém. Talvez porque

Ler mais

Mãe, quero bolo de chocolate.

Acontece que minha mãe não gosta muito de certas “funções” maternas. Ela sempre foi a diferente. Lembro que, na adolescência, uma amiga minha tinha acabado de partir seu coração com o 4º ou 5º “homem-de-sua-vida” e foi chorar no colo da mãe dela e ouviu o seguinte: – Filha, não chora! Ele não merecia você. Minha mãe, quando ficou sabendo do ocorrido, soltou a pérola: – Que frescura! É, minha mãe é assim. Pior foi quando chegou minha vez de chorar pelo coração partido pelo ex “homem-de-minha-vida“. Não escutei o “que frescura”, ao invés disso, ela me falou: – Ah,

Ler mais

Prêmios e Mães Modernas

Oi, pessoas!! Tudo bom?? Esou cansadinha ! Passei 3 longas horas numa fila no shopping Recife para trocar as notas de compras de dezembro por cupons e concorrer ao sorteio de um apartamento novinho no valor aproximado de 312 mil reais! A fila estava ENORME e não parava de crescer. Acho até que decorei todos os preços das vitrines de tanto tempo que fiquei parada em frente a elas. KKKKK ! Imagina se eu ganho? Passo três dias gritando, completamente  surtada. Trezentos mil reais iriam transformar meu casamento num conto de fadas KKKKK! Quero todo mundo de dedinhos cruzados por

Ler mais

De volta novamente

Meu Deus! Já comecei a escrever esse post zilhões de vezes e nunca sai do jeito que eu espero! Talvez porque eu esteja tentando colocar em dias milhares acontecimentos ao mesmo tempo. Ou talvez seja meu jeito estabanado de fazer as coisas… Na verdade, sempre sofro bastante para começar a escrever depois que passo muito tempo sumida do blog! Nesse tempo longe, gastei um pouquinho de minhas horas ficando doente. Acho que desde a última vez em que apareci aqui, tive mais uma inflamação no segundo molar e uma otite externa o que me obrigaram a tomar alguns antiinflamatórios e

Ler mais